A Granja do Ano – 36 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Destaques 2020 CAMINHÕES - Volvo

Caminhões adequados ao tamanho dos recordes

A Volvo desenvolve produtos para todas as demandas da agropecuária, tanto para estradas como off-roads

Quais são os produtos mais importantes da Volvo para atender às demandas do agronegócio?

Temos uma ampla gama de veículos destinados ao agronegócio que são largamente utilizados pelos transportadores brasileiros. Nossos caminhões possuem atributos muito importantes para todas as aplicações do setor. A Volvo também se destaca nas vendas dos caminhões para o segmento fora de estrada, muitos deles voltados para operações do agribusiness, como a cana-de-açúcar e a madeira. São os chamados veículos vocacionais, que incluem também mineração e construção, representando 10% de todas as entregas da marca no mercado nacional. Mas destacamos aqui os três caminhões para o agribusiness: o FH 540cv 6x4, o caminhão mais procurado para o transporte de grãos e também o mais vendido no Brasil; o FMX 6x4 com capacidade legal de 74 toneladas, muito utilizado em operações off-road; o VM, bastante utilizado em transporte para tarefas de apoio em fazendas e em usinas de açúcar e álcool.

E quais as características e os diferenciais desses caminhões para as necessidades do agronegócio?

O FH é o caminhão mais vendido do Brasil. O FH 540cv 6x4 sai de fábrica com a Aceleração Inteligente, uma recente tecnologia da marca que proporciona uma economia de combustível de cerca de 10%. É o caminhão preferido para o transporte de grãos das fazendas para os portos marítimos e terminais de grandes embarcadores. Nessas operações, é oferecido basicamente em três configurações: rodotrens de nove eixos (PBTC de 74 toneladas); bitrens de sete eixos (PBTC de 57,5 toneladas); e bitrenzão de nove eixos (PBTC de 74 toneladas). O FMX é para operações mais pesadas fora de estrada e utilização em caminhos severos, caminhão vocacional da Volvo que se destaca por sua robustez, alta capacidade de carga e excelente estabilidade. Disponível na versão 6x4 nas potências até 540cv, o FMX também tem a tecnologia da Aceleração Inteligente, e encara locais difíceis com desenvoltura devido às suas altas potências e torques. O FMX 540 6x4 com capacidade legal de 74 toneladas é muito usado no setor sucroalcooleiro em operação off-road, para o transporte da cana colhida e picada do talhão até as usinas. O caminhão Volvo VM é outro veículo importante para o agronegócio, muito usado como veículo de apoio em fazendas e em usinas de açúcar e álcool, por exemplo. Quando implementado com caçamba, por exemplo, é muito comum em propriedades rurais para fazer o transporte dos grãos até o secador. A versão VM 32 toneladas tem redução nos cubos dos eixos traseiros, um sistema que permite aumentar o poder de tração e a capacidade de carga, duas condições que garantem uma melhor performance nas duras tarefas do campo. Já se for implementado com um equipamento chamado roll-on roll-off, o VM pode ser usado para transportar outras máquinas muito comuns nas fazendas, como tratores e colheitadeiras, entre outros equipamentos. A Volvo também desenvolveu um caminhão autônomo dirigido ao setor sucroalcooleiro, o VM Autônomo. Fruto do trabalho da área de pesquisa e engenharia avançada do Grupo Volvo, foi projetado pelos engenheiros da empresa no complexo industrial de Curitiba, em colaboração com os especialistas da marca na Suécia, para reduzir as perdas na colheita da cana.

Que relevância tem o campo para os negócios da Volvo?

Na Volvo, o agronegócio é o setor que responde pelo maior volume de vendas de caminhões. Se levarmos em conta não somente grãos, hortifrutigranjeiros e outros itens majoritários, mas também cargas refrigeradas, carnes, derivados de leite e uma infinidade de outros vinculados ao mercado agrícola, calculamos que esse negócio como um todo demande cerca de 60% de nossa produção.