A Granja do Ano – 34 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Destaque 2017 Sementes DUPONT PIONEER

Destaque

Inovações que fazem a lavoura crescer

Em 45 anos de atuação no Brasil, DuPont Pioneer desenvolve sementes carregadas de tecnologia para qualificar a produção e aumentar os rendimentos no campo

Nome da empresa: DuPont do Brasil S.A. - Divisão Pioneer Sementes

Sede: Santa Cruz do Sul/RS

Unidades: 3 de milho e 2 de soja

Número de funcionários: 987

Estações de pesquisa: 6 de milho e 4 de soja

A Granja do Ano — Nesses 45 anos de atuação no Brasil, quais são as principais conquistas da DuPont Pioneer junto à agricultura nacional?

Jair A. Swarowsky — A trajetória da DuPont Pioneer durante esses 45 anos é marcada por grandes conquistas e inovações no setor agrícola. Entre alguns dos principais marcos, podemos citar: a introdução dos primeiros híbridos de milho triplos do mercado na década de 1970; a implantação dos primeiros eventos de dias de campo com agricultores; a promoção através de placas de beira de estrada; a implementação dos plantios comparativos lado a lado com a concorrência; a comercialização de sementes de milho em sacos de 60 mil sementes; a conquista da ISO 9002; o lançamento do 30F53 - híbrido de milho mais vendido há mais de uma década; além de outras inovações. Antecipar novos conceitos de qualidade e elevar os níveis de produtividade no campo são compromissos assumidos pela DuPont Pioneer junto aos produtores.

Quais são as mais recentes inovações da empresa na área de sementes no Brasil?

Destaque

Jair A. Swarowsky é vicepresidente e diretor de Negócios da DuPont Pioneer

A DuPont Pioneer acredita que o diferencial está na relação com o produtor. Em 2016, decidimos alterar a forma como acessamos o mercado no Brasil Central, passando a estar mais próximos do produtor através da valorização da nossa força de vendas direta, composta por um grande número de representantes comerciais exclusivos. Paralelamente, com a proposta de elevar a produtividade dos rebanhos brasileiros, em 2017, a DuPont Pioneer lançou a plataforma de serviços “A Força da Silagem”, oferecendo produtos (híbridos e inoculantes), serviços e informações personalizadas para garantir maiores rendimentos aos produtores de leite e carne. Na safra 2015/2016, a empresa passou a comercializar híbridos de milho com a tecnologia Leptra de proteção contra insetos. A tecnologia Leptra, associada ao tratamento industrial de sementes com o inseticida Dermacor tem resultado em inúmeros benefícios aos produtores, como o controle adicional sobre a principal praga do milho, Spodoptera frugiperda, nas fases iniciais da lavoura. Com essa inovação, a empresa passou a ser a única do mercado a oferecer essa combinação de traits. Para a marca BioGene, que no final deste ano completa dez anos de presença no Brasil, inovações como a construção de uma forte rede de proximidade e relacionamento com os seus distribuidores e agricultores são destaques. Através do programa global de melhoramento, a DuPont Pioneer também está trabalhando no desenvolvimento de híbridos de milho com maior tolerância às condições de déficit hídrico, muito comuns nos ambientes de safrinha e algumas regiões na safra de verão. O programa de pesquisa conta com o desenvolvimento de linhagens e testes em diversos locais do mundo onde a DuPont Pioneer possui programas de melhoramento, e em um futuro próximo a empresa contará com híbridos no seu portfólio para atender a esse mercado.

E quais são os próximos projetos e investimentos da DuPont Pioneer no Brasil?

Na safra 2017/18, a DuPont Pioneer adicionará ao seu portfólio cultivares com a tecnologia Intacta RR2 PRO, que combina, em um único produto, tolerância ao herbicida glifosato e proteção contra as principais lagartas que atacam a soja, conferida pela proteína Bt. Além disso, com o tratamento industrial de sementes com Dermacor, o agricultor conta com um pacote ainda mais completo no controle de insetos. Ainda na soja, a companhia está realizando investimentos na sua estrutura de armazenamento e acondicionamento das sementes. Desde março de 2017, a unidade de Planaltina/DF já opera com quatro hectares de armazéns climatizados que mantêm a qualidade das cultivares de soja durante o armazenamento até o momento da expedição. A DuPont Pioneer também está ampliando a sua rede de distribuição no País. Atualmente, são 35 pontos de expedição localizados em diversas regiões. A empresa planeja ainda a inauguração de mais 10 pontos até o final do ano. Para milho, nesta safra 2017/18, a DuPont Pioneer está trazendo um volume ainda maior de híbridos Leptra, além de novas bases genéticas e o tratamento de sementes com Dermacor + Poncho para grande parte de seus materiais, e recomendando sempre aos produtores a adoção das boas práticas de manejo, especialmente o refúgio estruturado efetivo.