Colheita do café chega a 93% da safra 2019/20

A colheita de café da safra brasileira 2019/20 está em 93% até o dia 06 de agosto ante 89% da semana anterior. O número faz parte do levantamento semanal de SAFRAS & Mercado para a evolução da colheita da safra. Tomando por base a estimativa de SAFRAS para a produção de café do Brasil em 2019/20, de 58,9 milhões de sacas de 60 quilos, é apontado que foram colhidas 54,95 milhões de sacas até a referida data.

A colheita está adiantada em relação ao ano passado, quando 88% da safra estava colhida neste período. Os trabalhos também estão adiantados frente à média dos últimos 5 anos, que é de 84%. Segundo o consultor de SAFRAS & Mercado, Gil Barabach, a colheita de café no Brasil se encaminha para o final. "Em muitas fazendas os trabalhos, praticamente, já terminaram, restando apenas a varreção. E alguns produtores não estão fazendo varreção, por não compensar financeiramente", observa.

Quebra de renda (grão miúdo) e qualidade da bebida seguem com as principais queixas dos produtores. "Dificuldade com cereja deve ser uma característica dessa temporada, por conta das floradas irregulares e amadurecimento muito rápido, o que impediu que o produtor fizesse uma colheita em ponto apropriado para o preparo de cereja", avalia o consultor.

A colheita de arábica alcança 91% da produção, projetada em 40,70 milhões de sacas. O ritmo da colheita está bem acima de igual período do ano passado (84%) e também superior à média de 5 anos (78%). No conilon, já foram retirados dos pés 99% da produção 19/20, estimada em 18,20 milhões de sacas de 60 kg. O percentual colhido está ligeiramente abaixo de igual período do ano anterior e média de 5 anos para o período. Em ambas posições, a colheita já havia encerrado.

Foto: Clóvis Campos / ASN / Arquivo A Granja

Data: 08/08/2019
Fonte: Safras & Mercado

Últimas notícias