Anfavea espera que o setor de máquinas feche o ano com alta de 10,9% nas vendas

A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) apresentou o balanço da indústria automobilística dos seis primeiros meses do ano.
O setor agrícola e de construção se manteve estável nas vendas para o mercado interno, mas com queda na produção 7,9%. As exportações também tiveram baixa de 2%. Apesar dessa baixa, a instituição espera que o setor de máquinas feche o ano com alta de 10,9% nas vendas, 2,5% nas exportações e 0,5% na produção.

O volume de exportações no ano foi revisado, com queda de 28,5%, mas a expectativa de venda para o mercado interno e produção continuam boas. Para o presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes, o otimismo se deve em função da aprovação de reformas previstas para o segundo semestre do ano. “Estamos no intervalo de um jogo que tem dois tempos. Com os indicadores que temos de inflação baixa, taxa de juros em queda e aumento de crédito, é possível apostar em um segundo semestre positivo. Mas isso depende da aprovação de uma reforma robusta da previdência, além de outras reformas que tragam de volta os empregos e a confiança dos consumidores e investidores”, afirmou.

Data: 12/07/2019
Fonte: Revista A Granja

Últimas notícias