Vitrine

A FANTÁSTICA TECNOLOGIA VERDE-AMARELA DE ILP E ILPF

As muitas revoluções protagonizadas pela agricultura brasileira – por exemplo, a adaptação da soja ao ambiente tropical dos cerrados – têm um novo show em cartaz: integração lavoura-pecuária e lavoura-pecuária-floresta – tecnologias que atendem pelas siglas ILP e ILPF. Esses métodos de produção de mesclar, em um mesmo lugar, lavouras com animais – de diversas espécies comerciais – e/ou florestas foram multiplicados por oito em sua dimensão nos últimos 14 anos: era 1,87 milhão de hectares em 2005 e, hoje, são mais de 15 milhões. E não tem previsão de parar de crescer. O assunto, que, portanto, cresce em espaços generosos no agronegócio brasileiro, também ganhou uma ampla atenção nesta edição com a Reportagem de Capa. Ainda não adotou a ILP ou a ILPF na sua propriedade? Ou gostaria de aprimorar um desses sistemas de integração? Não deixe de ler nossa reportagem.

Da mesma forma, ainda que sua plantação de soja ou milho comece a tomar forma, ali verdinha no horizonte, saiba que, em breve, dentro de algumas semanas, toda essa plantação estará transformada em grãos. A serem armazenados. Ou melhor: mais que “armazenados”, muito bem conservados em um silo. Abordamos esse fundamental tema em dois assuntos: um artigo sobre como guardar de forma cuidadosa a sua produção e outro sobre como defender as suas sementes do ataque de pragas – este, na seção Seed Point.

E tem mais, muito mais. Você, pequeno produtor, está pensando em comprar ou trocar de trator? Fique atento, então, às dicas listadas em um artigo desta edição que aborda a dimensão exata da máquina para as demandas da sua propriedade. E há, ainda, orientações para produzir melhor. Por exemplo, como a ação do uso de redutores de crescimento pode influenciar na produtividade de soja e, na seção Fito, uma aula sobre o uso de adjuvantes – para que servem e quais as diferenças.

Vitrine

Boa leitura!