Primeira Mão

Fim do casamento

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e o da Justiça, Sergio Moro, assinaram acordo de cooperação técnica para promover ações conjuntas a fim de prevenir a chamada “venda casada” na tomada de crédito agrícola pelo produtor. Para não prejudicar seu relacionamento com a instituição bancária, além de melhorias no site www.consumidor.gov.br, o acordo prevê a criação de novos canais para a realização de denúncias anônimas por meio das associações de classe. O acordo tem duração de 24 meses e poderá ser renovado.


Mais credito!

O valor das contratações das operações de crédito nos três primeiros meses da safra 2019/2020 (de julho a setembro) foi de R$ 59 bilhões, alta de 3% sobre o mesmo período da safra anterior. As operações de custeio somaram R$ 35,9 bilhões (+4%); as de investimento, R$ 11,9 bilhões (+8%); as de comercialização, R$ 6,3 bilhões (-28%); e as de industrialização, R$ 4,7 bilhões (+60%).


Também aos familiares

Os agricultores familiares contrataram mais de R$ 10 bilhões em crédito oficial do Pronaf nos primeiros três meses do ano agrícola 2019/2020 (de julho a setembro). O valor representa um montante 14,42% superior ao da safra anterior. Apenas o Pronaf Mais Alimentos (para máquinas e equipamentos) teve incremento de 21,35%, para R$ 466,2 milhões. As 453.339 operações já demandaram um terço dos R$ 31,2 bilhões disponibilizados pelo programa para esta safra.

A agropecuária brasileira produz excedentes e exporta para mais de 180 países. O agronegócio responde por quase 25% do PIB nacional, emprega um terço da população ativa e é responsável por quase metade de tudo que é exportado. E faz isso de forma sustentável. O Brasil protege, preserva e conserva 66,3% de sua vegetação e florestas nativas. Mais de um quarto do território brasileiro está dedicado à preservação da vegetação nativa dentro das propriedades rurais. Na semana em que celebra...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista A Granja, clique Aqui e Assine Agora!