O Segredo de Quem Faz

A história delAs virou livro

O crescimento da força feminina no campo motivou quatro executivas a contarem histórias de protagonistas desse movimento. O livro “Mulheres do agro: inspirações para vencer desafios dentro e fora da porteira” (editora Letramento) reúne pouco mais de 50 relatos de personagens que atuam nas mais diversas áreas relacionadas ao setor. Além de narrar as realizações, os desafios e os anseios delas, a obra quer entusiasmar e influenciar não apenas outras mulheres, mas também os leitores homens. As autoras – Mariely Biff, Ticiane Figueirêdo, Roberta Paffaro e Andrea Cordeiro (da esquerda para a direita) – têm formações e ocupações diferentes, mas suas vidas, de certa forma, estão ligadas às questões do campo. Na entrevista a seguir, Andrea Cordeiro conta um pouco sobre o processo de criação e sobre o conteúdo do livro, que será lançado no 4º Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio, nos dias 8 e 9 deste mês, em São Paulo.

Denise Saueressig
[email protected]

A Granja — Como surgiu a ideia de escrever o livro?

Andrea Cordeiro — O projeto do livro foi construído em etapas. Já era algo que motivava cada uma de nós individualmente, como um ideal por sermos mulheres e por sermos do agro, trabalhando no pós-porteira. A ideia inicial nasceu com a Roberta, que se sentiu inspirada e pensou em dar voz para essas mulheres. Ela acabou comentando sobre o assunto com a Ticiane, quando as duas cursavam juntas o MBA em Agronegócios na Esalq (USP). E, na sequência, por afinidades em comum, a Mariely e eu fomos convidadas a participar.

A Granja — Como foi o processo de encontro das personagens que fazem parte da obra?

Andrea — A busca foi, até um determinado momento, por mulheres que nos inspiravam, mas não se limitou a isso. Fizemos todo um trabalho para além dessa inspiração, de...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista A Granja, clique Aqui e Assine Agora!