Mercado

MASSEY FERGUSON: COLHEITADEIRAS HÍBRIDAS E SÉRIE DE TRATORES

As colheitadeiras híbridas estiveram entre as inovações apresentadas pela Massey Ferguson na Expointer 2019. Segundo Fabrício Müller (foto), gerente de Marketing de Produto da AGCO, um dos destaques do momento é a MF 4690 Xtra, que atende os pequenos e médios produtores que buscam qualidade de colheita nas diferentes culturas, especialmente aquelas com alto volume de palha. “Nossa produtividade vem crescendo ano a ano, e esse conceito de processamento híbrido oferece mais qualidade operacional, mais capacidade de processamento, com menos perdas e maior eficiência no consumo de combustível”, salienta. Outro destaque da Massey foi a série de tratores MF 3300. São equipamentos estreitos para uso em culturas como café, citros e maçã, e projetados para redução no consumo de combustível e atenção às novas normas de emissão de poluentes.

JOHN DEERE: SOLUÇÕES DO PLANTIO ATÉ A COLHEITA

A John Deere levou para a Expointer soluções para os diferentes perfis de produtores. Entre as inovações, o Trator 8R na versão arrozeira. O gerente de Marketing Tático da empresa, Maurício de Menezes (foto), explica que a máquina é equipada com rodado duplo dianteiro e pneus com garras mais altas, que é uma demanda dos produtores de arroz. A John Deere ainda apresentou, na feira, soluções para as diferentes etapas da lavoura, desde o plantio até a colheita. “Para o plantio, por exemplo, trouxemos a DB40, com o ExactEmerge, que é um sistema que consegue plantar a até 16 km/h, ou seja, o dobro das plantadeiras convencionais”, detalha. Na linha de tratos culturais, a Série M4000 de pulverizadores, com o sistema inteligente ExactApply de controle de tamanho de gota. Já entre as colheitadeiras, destaque para a Série S700, com sistemas automáticos de ajuste.

IMPERADOR É ATRAÇÃO DA STARA

Uma das atrações da Stara na 42ª Expointer foi o Imperador nas versões 3000 e 4000. Entre os diferenciais da nova linha de pulverizadores autopropelidos da empresa está o sistema dupla linha, explica o gerente de Marketing de Produto da Stara, Thomas Liska (foto). A tecnologia é composta por duas pontas de pulverização que permitem realizar aplicações com maior amplitude de velocidade de trabalho, aumentando o rendimento operacional. As linhas de pulverização podem trabalhar alternadas ou juntas e, por realizar as aplicações com pressões ideais, garantem maior qualidade de aplicação por manter a uniformidade do tamanho de gota e evitar a deriva. Outra inovação é o sistema bico a bico, que realiza o desligamento automático da ponta de pulverização no momento em que é identificada uma área onde a calda já foi aplicada, proporcionando uma aplicação mais precisa e eficiente.

LS TRACTOR APRESENTA DRONE PARA PULVERIZAÇÃO

LS TracTor apreSenTa drone para puLverização A LS Tractor inovou na Expointer deste ano e apresentou, no seu estande, o Xaircraft, um veículo aéreo não tripulado, ou drone, para a proteção de plantas. Em pré-lançamento, o equipamento chega ao Brasil para um período de testes que deve durar em torno de 18 meses, informa o gerente de Marketing e Produto da empresa, Astor Kilpp (foto). O objetivo, durante esse tempo, é que sejam avaliadas e trabalhadas as conformidades necessárias ao mercado brasileiro. O equipamento conta com sensores infravermelhos que possibilitam operações de alta precisão, inclusive à noite, e é provido de um sistema de inteligência artificial, que possibilita, por exemplo, a detecção de obstáculos durante a operação. Kilpp ressalta que a pulverização com maior precisão oferecida por esse tipo de tecnologia acompanha as demandas ambientais, de utilização mais eficiente de defensivos.

JACTO: TECNOLOGIAS PARA MAIOR EFICIÊNCIA E REDUÇÃO DE CUSTOS

A Jacto levou até a Expointer seu portfólio completo de tecnologias e equipamentos voltados à adubação e à pulverização, e que atendem pequenos e grandes produtores. “Nossas soluções estão voltadas à melhoria de qualidade e à maior eficiência operacional, com equipamentos que auxiliem na redução de custos. O controle bico a bico de pulverização, por exemplo, pode oferecer até 10% de redução no consumo de defensivos, o que significa, ao final da safra, uma economia muito significativa. Na adubação, nas aplicações a lanço, apresentamos, neste ano, o controle automático de seções de adubação, com precisão e com até 15% de redução no consumo de fertilizantes”, enumera o diretor de Marketing da Jacto, Wanderson Tosta (foto). Além dos equipamentos, a empresa também destacou na feira a sua participação em iniciativas que pretendem levar conectividade ao homem do campo, como é o caso do projeto ConectarAgro.

ESCARIFICADOR É DESTAQUE DA IPACOL

A Ipacol apresentou, na Expointer, o escarificador Astrus Hi-Flex. O equipamento foi desenvolvido para descompactar o solo em até 50 cm de profundidade, aumentando a aeração e, consequentemente, abrindo caminho para a captação de água da chuva sem desorganizar as camadas orgânicas criadas ao longo dos anos pelo plantio direto. “A máquina apresenta um desvio lateral de haste que auxilia na parte das curvas na lavoura e também para desviar de obstáculos como as pedras. Também conta com um desarme de haste hidráulico, um diferencial importante em relação aos equipamentos disponíveis no mercado. Isso ajuda a ter um trabalho mais suave na lavoura, sem prejudicar o equipamento, e ainda colabora para deixar o solo mais parelho, movimentando apenas as camadas mais profundas”, descreve Nilson Petrikovski (foto), projetista da máquina.

PLANTADEIRA INVICTA É UM DOS LANÇAMENTOS DA GRAZMEC

Depois de dois anos de testes, a Grazmec apresentou, durante a Expointer, a plantadeira Invicta, voltada para pequenos e médios produtores, nas opções pantográfica e pivotada, com versões de 3,5 e 9 linhas. A empresa também destacou outras novidades, como o Carreto Valente, na opção de 40 e 45 pés, ideal para plataformas grandes, a roçadeira química Campo Limpo+, com bomba com regulador eletrônico de vazão que permite regulagem precisa de acordo com o nível de infestação, e a tratadora de sementes on farm MTS 120 PRO, com painel digital e regulagem eletrônica de pó. “A Expointer encerra o circuito de feiras, e nós finalizamos esse ciclo com muito ânimo. Foi um ano muito bom, com grandes lançamentos em todas as linhas e que tiveram grande aceitação dos nossos clientes”, salienta o diretor de Marketing da Grazmec, Emerson de Mattos (foto).

KREBS APRESENTA PAINEL CONTROLADOR DE PIVÔ

O grande destaque da Krebs na Expointer 2019 foi o painel de irrigação 5005 Plus. Segundo o gerente de Vendas da empresa, Leandro Amorim (foto), a partir dessa central de comando, o produtor tem condições de fazer todo o controle do seu equipamento com a taxa de aplicação, ou seja, com definição da lâmina que será aplicada. “Se ele quiser dividir o pivô em setores, ele pode fazer a aplicação de uma lâmina de acordo com o estágio de cada planta. Por exemplo, pode aplicar 7 mm em uma determinada área, 6 mm em outra e assim por diante”, observa. Segundo Amorim, a tecnologia é uma ferramenta que auxilia o produtor na tomada de decisão e contribui para a melhor gestão dos custos na propriedade, com uso mais eficiente de água e energia no processo de irrigação.

IMPLEMENTOS INOVADORES NO ESTANDE DA SÃO JOSÉ

A São José Industrial levou uma série de inovações para a Expointer 2019. Entre os produtos em destaque estiveram a Búfalo, grades intermediárias nos modelos 14, 16, 18 e 24 discos por 26 polegadas, e a carreta graneleira arrozeira de 7,5 mil e 10 mil litros. Outra atração no estande da empresa foi o escarificador Ripper, com três seções de hastes, desarme automático e rolo duplo. O equipamento promove a descompactação revolvendo o mínimo de palhada, com preservação da matéria orgânica do solo. “A São José trabalha forte sobre a qualidade do produto, tendo a robustez como característica, além da pintura diferenciada, a pó, que garante a proteção do implemento, com alta resistência, além de não agredir o meio ambiente”, ressalta o diretor-executivo da empresa, Geraldo Recktenwald (foto).

ANOTE AÍ

Em parceria com a Araiby e a Fealq, a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da Universidade de São Paulo (Esalq/USP), promove a terceira edição do EsalqShow, em Piracicaba/SP, de 9 a 11 de outubro. Entre os principais objetivos do evento está melhorar a integração entre as universidades e os demais setores do agronegócio, além de fortalecer e expandir o papel e as contribuições da Esalq/USP e seus parceiros. O tema principal desta edição será Desafios e Oportunidades para o Agro Brasileiro até 2030, reforçando o conceito da maior integração entre a academia, o setor produtivo e a sociedade. Mais informações em https://fealq.org.br/esalqshow.

O seminário Desafios e Oportunidades para a Agricultura na América Latina, dias 10 e 11 de outubro, no Rio de Janeiro, receberá reconhecidos especialistas do setor em nível nacional e internacional, que vão discutir os desafios e as oportunidades para a agricultura na América Latina. O evento é promovido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e pela Fundação Getulio Vargas, sendo que a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) e o Sistema de Informações de Mercado Agrícola do G20 (Amis), em parceria com a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), também estão na realização do encontro. Mais informações em www.agricultura.gov.br.

A sétima edição do Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia e Inovação de Biodiesel terá, pela primeira vez, a coordenação da Embrapa, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). O evento, de 4 a 7 de novembro, em Florianópolis, deverá reunir cerca de mil pessoas para discutir ações de empreendedorismo e inovação em prol de um futuro mais competitivo para o biodiesel no Brasil. Inscrições e mais informações estão disponíveis em www.congressobiodiesel.com.br.

Mais informações sobre eventos em www.agranja.com