Vitrine

O PAÍS DA PLUMA. SOMOS TODOS ALGODÃO

Brasil do agronegócio não se cansa de apresentar números encantadores de sucessivas conquistas que tanto orgulham a todos os brasileiros envolvidos com o setor – e que deveriam sempre merecer agradecimentos dos demais cidadãos desta Nação com outros tantos números constrangedores. Nesta safra, mais um feito: o Brasil – que, nos anos 1990, era importador de algodão – passa a ser o segundo maior exportador da pluma, cultura na qual já somos top 4 em produção. E muito mais vem por aí, mas, sobretudo, muito tem sido feito hoje para que o Brasil se tornasse uma potência mundial da pluma, desde a adoção de tecnologias de ponta até a implementação de programas de responsabilidade social e ambiental. Parte desse trabalho elogiável e com resultados práticos está na Reportagem de Capa desta edição. E a melhor maneira de reconhecer e agradecer o trabalho elogiável de todos os envolvidos com o segmento é comprar roupas cuja matéria-prima foi a pluma, ou seja, aderir à campanha Sou de Algodão, da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão.

Além de algodão, também somos o País de muitos outros cultivos e criações. No caso do produtor goiano Leandro Sato, são 15 as atividades agropecuárias. Sim, isso mesmo, e ele conta como é produzir de soja a caqui, passando por boi (“irrigado”) e eucalipto na seção O Segredo de Quem Faz. Uma história bem interessante e inspiradora, que envolve toda uma família, de primo a madrasta.

A edição realmente contempla muitas atividades. Tem dicas sobre o que levar em consideração ao diversificar a lavoura de arroz com soja e milho, como entender o funcionamento íntimo de uma planta de soja para que ela produza mais, as boas práticas na pulverização que garantem seus efeitos contra os alvos, a importância da semente com qualidade e muito mais.

Boa Leitura!