Confinamento estratégico acelera resultados

O uso estratégico do confinamento é o tema da Revista AG de maio. A edição mostra como as vantagens da modalidade, dia a dia, ganha a preferência do criador. E conta como suas vantagens, não mais somente restritas à engorda e à terminação, podem render lucros também na cria, na recria e como alternativa de manejo.

O tema é apresentado na matéria de capa com base na opinião de autoridades do setor, como o engenheiro agrônomo, pecuarista e presidente da Associação Nacional da Pecuária Intensiva (Assocon), Maurício Velloso, e especialistas como o zootecnista e coordenador da expedição Confina Brasil, Olavo Bottino. E traz como exemplo prático o caso da fazenda Vera Cruz do Água Limpa, de Britânia (GO) que, optou pelo confinamento para diluir os custos fixos e aumentar o rebanho através da prenhez superprecoce.

A edição também conta com artigo do Núcleo de Estudos em Sistemas de Produção de Bovinos de Corte e Cadeia Produtiva (NESPro) da UFRGS sobre as diferentes maneiras de rentabilizar o confinamento de acordo com o objetivo de cada propriedade. Como evitar as perdas que ficam no rastro do caminhão boiadeiro é o tema do artigo da equipe da BEA Consultoria, especializada em bem-estar animal. E o pesquisador da Embrapa Gado de Corte, Luiz Orcírio Fialho de Oliveira, aborda os benefícios da suplementação sólida durante o período da seca ao gado criado a pasto.

Na seção O Confinador, apresentamos o caso do boitel e confinamento VFL Brasil, de Abadiânia (GO). O local tem sido bastante procurado por investidores em busca de retorno rápido sobre o capital, sem mesmo ser pecuarista ou entender da área. Também é alternativa para otimizar áreas em pequenas e médias propriedades da região, que se unem para enviar animais para a engorda. O entrevistado do mês é o selecionador de Nelore Mocho Carlos Viacava, o maior vendedor de touros da categoria no Brasil segundo o levantamento Top 100 e vice-presidente da Associação Nacional dos Criadores e Pesquisadores (ANCP) .

Confira!

Data: 03/05/2021
Fonte: Revista AG

Últimas notícias