Touro Senepol é o produto da primeira franquia de genética bovina

A holding de franquias SMZTO e a Senepol Nova Vida lançam com o nome de Fábrica de Touros Senepol a primeira franquia do agronegócio brasileiro, que tem como público-alvo pecuaristas interessados em aumentar a rentabilidade da fazenda com a oferta de reprodutores da raça Senepol.

Além de se beneficiarem de todo o know-how da Nova Vida, que detém um dos maiores acervos genéticos Senepol no mundo, os franqueados receberão assistência técnica, por meio de visitas técnicas, encontros e apoio na gestão administrativa da franquia.

“É mais vantajoso vender touros selecionados e provados geneticamente do que bezerros comerciais”, compara Ricardo Arantes, diretor da Senepol Nova Vida e sócio-operador da Senepol Brasil Franquias, empresa por trás da Fábrica de Touros Senepol. Enquanto um bezerro era cotado a R$ 1.200,00 nas melhores praças pecuárias, no início de dezembro, um touro da raça Senepol é vendido, em média, por R$ 10 mil nos diversos leilões realizados no País.

Outro ponto importante do negócio é que os touros Senepol destinados à cobertura a campo são um produto com alta liquidez, por viverem uma verdadeira ascensão na pecuária brasileira. “É um modelo muito atraente e o pecuarista não necessitará fazer grandes investimentos no manejo da propriedade”, revela Arantes.

Basta apenas reservar as matrizes que receberão os embriões sexados de macho. A produção dos touros em escala será feita com o auxílio da tecnologia de fertilização in vitro (FIV), como bem lembra João Arantes Neto, também diretor da Senepol Nova Vida e colaborador da Fábrica de Touros Senepol.

Com fazendas em São Paulo e Tocantins, o pecuarista Flavius Antônio Bueno, que atua no agro há quase 30 anos, sendo duas décadas dedicadas à pecuária, é o primeiro franqueado e suas metas são ambiciosas: além de comercializar touros de carga genética superior, ele deve fornecer à indústria animais com meio-sangue Senepol (F1 Senepol) em escala. “Ofereceremos a genética e assumiremos toda a produção de bezerros de nossos parceiros, bonificando-os pela qualidade de carcaça do gado”, relata Flavius Bueno, enfatizando como diferenciais do adaptado a precocidade, a rusticidade e a eficiência reprodutiva que gera no sistema extensivo.

Nesta primeira fase, 140 matrizes já estão prenhes. A meta é expandir a produção gradativamente, de acordo com o crescimento da demanda. Em outra ponta, animais F1 Senepol servirão de vitrine aos que ainda não conhecem as aptidões da raça. “Investir na Fábrica de Touros Senepol é meio caminho percorrido porque os animais já apresentam uma carga genética apurada, que é da Nova Vida. Eu posso usar seu nome, a história, a genética ou mesmo acionar os canais de comercialização numa futura comercialização”, comemora o franqueado.

Produção escalonada de touros Senepol

Produzir touros demanda reorganização do sistema, especialmente em relação à reprodução ou caso o franqueado venha do mercado de cria, onde o bezerro é vendido logo após a desmama. A estratégia é começar devagar, com 40 touros no primeiro ano e elevar, gradativamente, a produção para 80 e 120 animais. “Os projetos podem ser customizados de acordo com o tamanho da fazenda ou demanda dos franqueados”, explica Neto Arantes, enfatizando que técnicos credenciados assistirão o processo de produção.

Data: 29/11/2018
Fonte: Revista AG

Últimas notícias