A FÊMEA F1 SENEPOL NA PRÁTICA

Ultimamente, tenho me deparado com questões intrigantes e que, ao mesmo tempo, me remetem a experiências já vividas no campo. Minha satisfação é ter a oportunidade de transmiti-las quando tenho oportunidade.

José Macedo Junior é um criador de Aripuana, município no Norte do Mato Grosso, onde tive a oportunidade de conhecê-lo, na caravana do Acrimat em Ação, evento da Associação dos Criadores de Mato Grosso que roda parte das principais cidades do estado, levando, através de palestras, informações sobre o uso de tecnologia no campo.

Logo que a palestra máster acabou, fui abordado por Macedo Junior, comumente chamado por todos de Junior, que me inquiriu prontamente, como de costume, sobre um cruzamento que fez.

“Zadra, temos, aqui em Juína, um núcleo forte de Senepol, onde comprei alguns touros para repassar minhas fêmeas Nelore. As fêmeas F1 Senepol x Nelore me parecem muito boas, e gostaria de usá-las como matrizes. Pela sua experiência, você acha que essas matrizes seriam tão precoces sexualmente quanto as F1 Angus x Nelore?”

Com galhardia me dispus a dirimir sua dúvida: “Sua pergunta vem ao encontro da realidade do uso de raças adaptadas cobrindo a campo as Nelore no País, cruzamento esse que vem produzindo fêmeas F1 muito boas. Recomendo que use essas novilhas F1 Senepol x Nelore com toda certeza. Mesmo podendo não apresentar, na média, a mesma precocidade sexual que as F1 Angus x Nelore, suas fêmeas F1 Senepol são excelentes como matrizes e, com um pouco de capricho, entrarão no cio até os 15 meses de idade. Seus irmãos F1 Senepol x Nelore serão bois com ótimo potencial de ganho em peso e adaptados da mesma maneira”. Leia a íntegra na coluna "Caindo na Braquiária", do zootecnista Alexandre Zadra.

Clique aqui e acesse a matéria completa.

Data: 16/11/2018
Fonte: Revista AG

Últimas notícias


Warning: getimagesize(): Filename cannot be empty in /home/storage/a/fb/47/edcentaurus/public_html/edcentaurus/application/controllers/AgController.php on line 318