Caprinovicultura

Bem-estar favorece toda a cadeia

Além de melhorar a condição do rebanho, práticas simples adotadas pelos criadores colaboram para elevar os índices de produtividade e facilitam o manejo no campo

Denise Saueressig
[email protected]

O bem-estar dos animais está totalmente ligado à produtividade da pecuária. Essa compreensão deve estar presente no dia a dia dos criadores para que práticas simples, porém de fundamental importância, não sejam deixadas de lado. A zootecnista e pecuarista Marina de Vasconcellos, consultora na área e instrutora do Serviço Nacional de Aprendizagem Ru Bem-estar favorece toda a cadeia Além de melhorar a condição do rebanho, práticas simples adotadas pelos criadores colaboram para elevar os índices de produtividade e facilitam o manejo no campo Denise Saueressig [email protected] ral (Senar) no Rio Grande do Sul, resume: “Para uma boa produção, o animal precisa estar saudável”.

O conceito de bem-estar é definido por cinco liberdades estabelecidas pelo Farm Animal Welfare Council, da Inglaterra. São elas: 1) Livre de fome e sede; 2) Livre de desconforto; 3) Livre de dor, lesão e doença; 4) Livre para expressar os comportamentos naturais da espécie; e 5) Livre de medo e angústia. As três primeiras são fisiológicas e estão ligadas mais intimamente à produtividade, descreve Marina. “Quando alcançamos estas três, ficamos mais próximos das duas últimas”, conclui. Para entender mais sobre as necessidades e os comportamentos de cada espécie, a especialista recomenda que os produtores dediquem um tempo para a observação dos animais. “É possível aprender muito apenas com esse olhar mais atento para o rebanho”, afirma.

Zootecnista Marina de Vasconcellos: para entender mais sobre as necessidades de cada espécie, é recomendável que os produtores dediquem um tempo para a observação dos animais

Se há alguns anos a expressão “bem -e...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!