Falou

Em sintonia com os clientes

CEO da Premix, Marco Guidolin fala sobre a nova fase da empresa após aquisição da Paraíso Nutrição Animal

Falou

“A intenção é ficar com o que cada uma das empresas tem de melhor

Revista AG – A Premix anunciou, recentemente, a aquisição da Paraíso Nutrição Animal. Qual a estratégia da empresa com essa aquisição?

Marco Guidolin – Quando partimos para esse projeto, nosso intuito era consolidar a marca, principalmente no Centro-Oeste e no Norte do País. Também estar mais próximo dos nossos clientes e aumentar a força da nossa equipe nas regiões onde a Paraíso atua. Com essa fusão, a gente consegue uma logística mais eficiente tanto em Goiás como em Mato Grosso. Temos uma equipe mais competente, com mais gente no campo e prestando atendimento aos pecuaristas. A Paraíso tem um perfil de trabalho muito parecido com o nosso, de prestar atendimento e estar junto com os clientes nas fazendas.

Revista AG – As duas novas plantas de Goiás e Mato Grosso, recém-incorporadas, têm capacidade de produzir quantas toneladas de suplementos por dia?

Marco Guidolin – As duas plantas juntas vão aumentar em torno de 200 toneladas de produto/dia por turno.

Revista AG – Os produtos com a marca Paraíso continuarão no mercado ou serão reformulados?

Marco Guidolin – O que faremos, a partir de agora, é uma análise. Vamos pegar o que há de produto semelhante entre as empresas e o que há de produtos complementares. O que for complementar, adicionamos ao portfólio de produtos, e o que for semelhante vai para análises técnica e comercial para decidirmos qual fica no mercado. A intenção é ficar com o que cada uma das empresa...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!