Caprinovicultura

Qualidade garantida do campo à mesa

Caprinovicultura

Projeto de certificação de cortes da raça Poll Dorset pretende incentivar a padronização da carne e o aumento da produção

Denise Saueressig
[email protected]

Para levar ao consumidor com regularidade uma carne de alto padrão, o Núcleo Poll Dorset Sul idealizou um projeto de certificação de cortes ovinos. A garantia de que o produto chegará ao mercado com os atributos desejáveis será via regulamento estipulado junto aos ovinocultores.

Até o mês passado, quatro criadores dos municípios gaúchos de Jaguarão, Camaquã e Santana do Livramento estavam credenciados no programa, mas, como há mais interessados em aderir à iniciativa, a expectativa é de que o número de participantes tenha um rápido incremento. O presidente do Núcleo Poll Dorset Sul e diretor administrativo da empresa Cordeiro da Estância, Claudio de Sottomaior Filho, revela que gostaria de atingir o volume de 5 mil animais certificados nos próximos dois anos. “Esse é um dos nossos objetivos, mas sabemos que é um trabalho lento e que precisa ser realizado com organização e planejamento”, observa.

Os ovinos integrados ao projeto serão abatidos no frigorífico Coxilha Vermelha, em Alegrete/RS. Os cortes que incluem lombo, carré francês, paleta e picanha serão comercializados com a marca Cordeiro da Estância Poll Dorset Prime. Inicialmente, a produção terá como destino restaurantes e varejo voltados à alta gastronomia em São Paulo. Num segundo momento, deverão ser atendidos também o mercado deste mesmo nicho em Porto Alegre/RS. “É uma carne tenra e suculenta de alto valor agregado, com preço em torno de 30% acima do cordeiro tradicional e bastante requisitada por chefs de cozinha”, explica Sottomaior. A expectativa, s...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!