A Granja do Ano – 34 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Destaques - Leite

Garantia de qualidade na produção

Destaques

Processos que envolvem a cadeia leiteira da cooperativa Frísia incluem inovações tecnológicas, boas práticas e respeito ao meio ambiente e ao bem-estar animal

A Granja do Ano — Qual é a estrutura dos negócios envolvendo a cadeia leiteira na Frísia?

Renato Greidanus — Em 2017, a Frísia atingiu a produção média de 581 mil de litros de leite por dia. Todo o volume captado é beneficiado através das indústrias da intercooperação, com participação das Cooperativas Frísia, Castrolanda e Capal, agora sob a Marca Unium. O Negócio Leite da Unium é composto pelas fábricas de Ponta Grossa/PR, Castro/PR e Itapetininga/SP. Nas plantas industriais há a produção das marcas Colônia Holandesa, Naturalle, Castrolanda e Colaso, além de marcas de terceiros, para os quais há prestações de serviços. A produção leiteira rendeu um faturamento de R$ 609,8 milhões em 2017, valor que representa 26,5% do faturamento total da cooperativa.

Quais são os diferenciais do trabalho da Frísia na produção leiteira?

Na pecuária de leite, os associados da Frísia mantêm um plantel de animais de produtividade muito superior à média brasileira. A título de comparação, temos cooperados que contam com uma produção média de 42 litros de leite por vaca/dia. No Brasil, a quantidade média de leite por vaca não passa de cinco litros por animal/dia. Nossos produtores são todos associados, o que torna rastreável todos os produtos beneficiados nas indústrias da intercooperação. Além disso, toda a qualidade do processo de produção na origem do leite é mantida e garantida pelas modernas estruturas das indústrias do Negócio Leite.

A Frísia está entre as melhores cooperati...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante desta revista, clique Aqui e Assine Agora!