A Granja do Ano – 33 anos da melhor prestação de informações e serviços ao profissional do campo.

Radiografia das principais atividades agrícolas, relação de instituições e empresas do agronegócio brasileiro.

Destaques - Implementos Agrícolas

SOLUÇÃO para diferentes operações

Com fácil manuseio e baixo custo de manutenção, carretas graneleiras da JAN são projetadas para atender as demandas dos produtores


Implementos Agrícolas Jan S/A

• Sede: Não-Me-Toque/RS
• Número de funcionários: em torno de 1 mil
• Revendas no Brasil: aproximadamente 150


A Granja do Ano — Quais são os diferenciais das carretas graneleiras produzidas pela JAN?

Jerri Rietjens - A JAN tem uma história de 56 anos trabalhando para oferecer o melhor para o produtor rural. Desde a sua fundação até os dias atuais primamos por oferecer um produto de qualidade. Somos a primeira fábrica de implementos agrícolas a obter certificação da ISO 9000, por isso, trabalhamos com equipamentos diferenciados desde o projeto até a construção, que utiliza matérias-primas com certificação de origem e procedência. E as carretas graneleiras são projetadas para trabalho em situações extremas e sempre há uma para atender a necessidade do agricultor.

Diversos tamanhos e modelos permitem que tenhamos uma possibilidade de atender do pequeno ao grande produtor agrícola do Brasil e do exterior. Fácil manuseio e manutenção de baixo custo fazem o investimento ser a melhor relação de custo/benefício. Nosso ideal é fortalecer as parcerias, gerando negócios saudáveis a toda cadeia que faz parte do negócio, desde a fábrica até o usuário final, passando pelas nossas revendas que têm um papel importantíssimo na assessoria ao trabalhador do campo.

Quais são as principais demandas dos produtores em relação a carretas graneleiras?

A carreta graneleira tem importante participação na hora da colheita, em função de agilizar em até 30% a velocidade da operação, o que é muito necessário nos dias atuais de estreitas janelas de plantio/colheita. Também temos tido diversas intempéries climáticas, o que faz com que a agilidade na hora da colheita signifique uma maior produção e retorne em lucro. Quando do plantio, a função da carreta graneleira é abastecer a plantadeira com adubo, já que temos um produto que atende mais de uma função na lavoura, o que importa muito na hora da decisão de compra.

Mas tudo isso é conversando sempre com o produtor rural, pois quem tem a necessidade de equipamento são os usuários e isso nos deixa muito à vontade para trocar informações e ideias junto a eles, de maneira que temos muitas carretas graneleiras solicitadas com características para atender um agricultor que acabamos colocando em linha de produção, aumentando as opções de fornecimento.

Jerri Rietjens é diretor da JAN

Qual a avaliação sobre o desempenho da empresa em 2016?

Estamos trabalhando com uma expectativa de repetir o ano de 2015. Tivemos anos excelentes a partir de 2010, com a facilidade de financiamentos e os juros muito atrativos. Assim, o agricultor antecipou diversos investimentos em maquinário agrícola, fazendo com que o mercado tivesse uma sazonalidade importante a partir de 2014. Posteriormente, os problemas políticos afetaram o ânimo do produtor e fizeram com que o mercado atingisse um patamar muito baixo. Aos poucos o mercado volta ao normal, e estaremos preparados para dar o apoio necessário ao produtor.

Quais os projetos e investimentos da JAN para os próximos meses?

A JAN está sempre atualizando seus produtos e fazendo com que os projetos atendam as mudanças de necessidades que surgem no campo. Procuramos nos reciclar para apresentar a melhor solução e acompanhamos as mudanças do mercado apresentando produtos que sejam importantes no preparo de solo, distribuição de corretivos e fertilizantes, limpeza, pulverização autopropelida, plataformas para colher milho, pá agrícola frontal, além do transporte de grãos com as carretas graneleiras, formando nosso portfólio de máquinas e implementos agrícolas à disposição do agricultor.

Temos know how nacional na produção de distribuidores de corretivos e fertilizantes, além de sermos pioneiros na produção de equipamentos de preparo de solo – exemplo do subsolador Jumbo – no Brasil. Isso nos dá muita experiência e satisfação, também nos deixa à vontade para trabalhar e desenvolver sempre novos produtos que venham a ter diferenciais importantes no mercado.