PIB do agronegócio brasileiro pode recuar 0,4% no ano

Na avaliação do primeiro trimestre de 2017, estima-se que o Produto Interno Bruto do agronegócio brasileiro recue 0,4% no ano, segundo cálculos do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, feitos em parceria com a CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil). De modo geral, esse resultado foi influenciado pela queda no PIB do segmento industrial no mesmo período, de 9%.

Na agroindústria, tanto para o ramo agrícola quanto para o pecuário, pesquisadores do Cepea destacam a queda de preços reais médios ponderados no segmento, de 4% e 3,3%, respectivamente. Para o caso da indústria pecuária, variações de quantidade de algumas atividades ainda não foram consideradas devido à indisponibilidade de dados.

Data: 12/07/2017
Fonte: Cepea/Esalq

Últimas notícias