Trafégo

TRÁFEGO CONTROLADO: ótima estratégia anticompactação

Trafégo

O controle do deslocamento é um conjunto de técnicas pelo qual o deslocamento e as atividades das máquinas na lavoura são organizados, o que reduz a área de tráfego aleatório a partir da criação de trilhas de rodagem permanentes e, assim, resulta em solos menos compactados

Kleberson Worslley Souza e Claudio Alberto Bento Franz, pesquisadores da Embrapa Cerrados, e John Landers, da Federação Brasileira de Plantio Direto na Palha (Febrapdp)

A modernização das tecnologias empregadas nos diversos sistemas de produção associada aos ganhos do melhoramento genético, ao manejo da fertilidade do solo e à mecanização, ao controle de pragas e a sistemas conservacionistas, como o sistema plantio direto, muito contribuiu para o aumento da eficiência no campo. Entretanto, as demandas por rendimento e a possibilidade de realização de mais de uma safra por ano têm resultado em tráfego de máquinas cada vez mais intenso, com aumento no consumo de combustíveis fosseis e compactação do solo. Dadas as grandes extensões cultivadas no Cerrado, o custo para caracterização e correção dessa compactação normalmente é muito elevado. Apesar das práticas existentes para remediar o problema de compactação do solo, a maioria dos trabalhos científicos aponta que evitar a compactação é técnica e economicamente mais viável.

Pesquisas recentes desenvolvidas em alguns países, em especial na Austrália, vêm demonstrando os efeitos benéficos do controle de tráfego (em inglês CTF: Controlled Traffic Farming) na produtividade, melhorias do solo, com redução da compactação, e diminuição de custos de produção. Esse conceito ainda é pouco conhecido no Brasil. A técnica proporciona a redução da área efetivame...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista A Granja, clique Aqui e Assine Agora!