Gente em Ação

 

BASF LANÇA CARTÃO SAFRA NA FRÍSIA

Gustavo Bastos Alves

A Basf lançou o Cartão Safra na Frísia Cooperativa Agroindustrial, de Carambeí/ PR. Os 847 associados poderão comprar soluções Basf para a lavoura, pontuar e trocar por prêmios. “Para a Basf, é muito gratificante ter como parceira a Frísia, que em 2015 recebeu aproximadamente 760 mil toneladas de grãos das safras de inverno e verão. E agora, essa parceria será renovada com o Cartão Safra, programa de fidelidade que vem para recompensar os produtores pelo trabalho que desenvolvem em prol do agronegócio brasileiro”, destaca o gerente de Acesso ao Mercado, Gustavo Bastos Alves.


NUFARM DEBATE SAFRA 2016/17 COM COOPERATIVAS

Vitor Raposo

A Nufarm Brasil recebeu em Foz do Iguaçu/ PR representantes das principais cooperativas de MS e PR, no evento Nucoop, voltado aos mercados de milho e soja e de novas tecnologias para fomento à produtividade agrícola. “Este ano ficará marcado pela consolidação de parcerias importantes entre a Nufarm e um grupo de cooperativas paranaenses e sul-mato-grossenses que está na vanguarda do agronegócio nacional”, celebrou Vitor Raposo, ao anunciar o lançamento do herbicida ZethaMaxx para as culturas de soja e feijão. “Trata-se de uma tecnologia revolucionária”, afirmou o diretor executivo de Marketing da Nufarm, Vitor Raposo.


DUPONT COLHEITA FARTA DIVULGA VENCEDORES

Vencedores premiados em São Paulo

A DuPont divulgou em evento em São Paulo os vencedores do concurso DuPont Colheita Farta Safra 2015/16. Treze sojicultores, de um total de 325 inscritos, foram selecionados para a final, após vencerem as etapas regionais. Na região do Cerrado, os vencedores foram Elton Zanella, de Campos de Júlio/MT (107,29 sc/ha); Mário José Possamai, de Canarana/MT (92,09 sc/ha); e Getúlio Pereira Valim, de Campo Grande/MS (90,56 sc/ha). Na Região Leste do Brasil, os campeões em produtividade foram Eloir Geraldo Tozetto, de Ponta Grossa/PR (128,3 sc/ha); João Carlos da Cruz, de Buri/SP (125,37 sc/ha); e Cristiano Van Ass, de Condor/RS (105 sc/ha).

BAYER: PRIMEIRO ANO DO PROGRAMA DE PONTOS

Ivan Moreno

O Programa de Pontos, iniciativa inédita da Bayer para o agronegócio brasileiro, completou um ano atingindo mais de 1 bilhão de pontos resgatados por mais de 70 mil produtores. Agricultores que compram insumos com distribuidores somam um ponto a cada R$ 1 investido em produtos, podendo trocá-los por serviços agronômicos. “Pelo fato de o Programa de Pontos enfatizar, principalmente, a importância da integração do agronegócio, nada mais justo que uni-lo à rede para a construção de um setor mais forte”, explica Ivan Moreno, diretor de Acesso ao Mercado da Bayer.


OUROFINO APRESENTA NOVA SOLUÇÃO PARA SOJA

Marco Antonio Cunha

A Ourofino Agrociência lançou o Racio, inseticida à base de acefato pertencente ao grupo dos organofosforados e que possui um modo de ação diferenciado, contribuindo para melhor manejo de resistência e controle de pragas, como percevejo verde e lagarta- da-soja. Com a existência de poucos grupos químicos, a grande maioria dos produtos concentra-se nos piretroides, associados aos neonicotinoides. “Essas misturas podem encontrar resistência em determinadas espécies de percevejo, o que não acontece com a formulação do Racio”, destaca Marco Antonio Cunha, gerente de Produtos (Inseticida) da Ourofino Agrociência.


FMC REÚNE ESPECIALISTAS E PRODUTORES DE EUCALIPTO

Adriano Roland

A FMC promoveu evento em Indaiatuba/ SP para apresentar o mercado de florestas e, em especial, a de eucalipto no Brasil. Os especialistas e produtores assistiram a uma palestra sobre as principais pragas que incidem na planta. O gerente de Inseticidas da FMC, Adriano Roland, destacou que as Soluções Combinadas da companhia têm como intuito estar perto dos produtores, entender suas necessidades no campo e oferecer produtos e serviços adequados à necessidade de cada um. “O monitoramento é a chave para o sucesso do manejo e para proteger as ferramentas existentes”, disse.


ALBAUGH: PRODUTORES APOSTAM EM BARTER E DEFENSIVOS GENÉRICOS

Renato Seraphim

Os produtores diversificaram as formas de financiar suas safras por causa das dificuldades de crédito, e assim ganharam importância os fornecedores de insumos que vendem a prazo, fora do sistema financeiro, e que negociam em operações de barter. Além disso, cresceu a procura por defensivos pós-patente, que são mais baratos e apresentam eficiência. “O produtor está sempre procurando alternativas para melhorar sua rentabilidade. Dessa forma, as empresas de defensivos são uma ótima alternativa para negociar a troca dos insumos pela produção. Já no início de 2017, estaremos operando nessa modalidade de negócio”, explica o presidente da Albaugh Brasil, Renato Seraphim (identificado incorretamente na última edição como Leandro Ponchio, diretor de Marketing).


UPL COM SOLUÇÕES INOVADORAS AO WINTERSHOW

Armando Vanin

A UPL Brasil participou do Wintershow em Guarapuava/PR com sua experiência no controle de doenças e manejo de resistência, com destaque para as soluções Unizeb Glory e Unizeb Gold. “Estamos vivendo um momento na agricultura no qual os fungicidas sistêmicos tradicionais estão apresentando baixo desempenho no manejo de algumas doenças, por isso a importância do Unizeb Glory e Unizeb Gold. Essas soluções têm demonstrado resultados excelentes. Agora estamos aguardando o registro para uso em trigo e cevada”, afirma Armando Vanin, Desenvolvedor de Mercado da UPL do Brasil.


MONSANTO: 1º ENCONTRO DE CONSULTORES TÉCNICOS

Patrick Dourado

Cerca de 100 pessoas entre gerentes técnicos, empresas de assistência técnica rural, gerentes técnicos de cooperativas e de times de planejamento e produtores participaram do 1º Encontro de Consultores Técnicos, em Passo Fundo/RS, que discutiram os avanços das tecnologias e como elas, em sinergia, podem contribuir com o aumento de produtividade nas lavouras. Patrick Dourado, pesquisador da Monsanto, apresentou o tema Manejo Integrado de Pragas. “Para aproveitar ao máximo o potencial oferecido por tecnologias como Intacta RR2 PRO, os benefícios gerados por híbridos como o DKB 230 PRO3 e pelo Sistema Roundup Ready Plus às lavouras, o produtor deve estar atento às boas práticas agrícolas”, destacou. A Monsanto apoiou o evento.