Vitrine

 

COOPERATIVISMO: COMO É FÁCIL FALAR BEM

Na sua opinião, qual das três definições a seguir é a mais adequada, a mais representativa, para traduzir o cooperativismo brasileiro no contexto do País? Um Brasil que dá certo; O melhor do Brasil; Um orgulho do Brasil. Pois essas três frases estiveram em debate na redação para ser o título da capa desta edição, uma revista mais que especial para nós, comemorativa ao aniversário d’A Granja, que chega a 71 anos, consolidando-se como a revista comercial mais longeva da imprensa brasileira. Como em todos os nossos aniversários, a edição ganha uma temática especial. E desta vez a nossa homenagem é ao cooperativismo, esse sistema que, convenhamos, merece qualquer uma das definições acima. Todas as manifestações positivas e muitas outras cabem a essa maneira diferente de trabalhar e viver em sociedade.

Mas por que o cooperativismo é do bem? As explicações e as justificativas estão nas páginas que se seguem. Números esplêndidos do segmento, considerações proativas de lideranças, relatos incríveis de algumas das principais instituições cooperativas, emocionantes histórias de vida de famílias cooperadas geração após geração... não faltam argumentos para justificar nosso especial dedicado a esse sistema que nasceu em um bairro inglês há pouco mais de 170 aos que, ao aportar no Brasil, sentiu-se em casa. Principalmente nas casas dos produtores rurais, que somam 1 milhão de cooperados.

Esta edição que nos orgulha pelo aniversário é dedicada a todos os nossos leitores, principalmente aos cooperativistas, mas em especial ao Pedro Henrique. Quem é ele? O menininho sorridente na foto desta página, o "orgulhinho" da família Tossin, de Lagoa dos Três Cantos, Rio Grande do Sul. Os Tossin são associados da Cotrijal há três décadas, e o Pedro Henrique já é um cooperadinho de terceira geração. Talvez seja por sentir- se tão seguro, tanto nos braços da mãe quanto pelos braços do sistema cooperativista, que ele estampe um sorriso tão sincero e bonito.

A história dos Tossin e muitas outras histórias bonitas do cooperativismo estão nesta edição!

Bem vindo ao cooperativismo, querido Pedro Henrique! Parabéns À Granja! E um grande 2016 a todos nós!.