Plantío Direto

 

MICHELIN: PNEU CERTO AUMENTA A PRODUTIVIDADE

Para apresentar as inovações para o segmento de pneus agrícolas, a Precisão Máquinas realizou, em Arapongas/PR, uma demonstração técnica evidenciando o desempenho dos pneus agrícolas de diferentes tecnologias. Primeiramente, o trator trabalhou com os pneus originais 24,5 - 32 no eixo traseiro e pneus 18,4-26 no eixo dianteiro, ambos de construção diagonal. Posteriormente, foram montados no mesmo trator pneus agrícolas com tecnologias Michelin Ultraflex de dimensões VF 710/60 R38 no eixo traseiro e VF 600/60 R30 no eixo dianteiro.

Os pneus agrícolas com tecnologias Michelin Ultraflex, por permitirem a rodagem com menor pressão, proporcionaram uma maior área de contato com o solo e consequentemente um menor índice de patinagem. Ficou comprovado que o trator alcançou uma melhor velocidade de trabalho, o que resultou em uma melhor produtividade da máquina em hectare/hora de 18,2%.


AGRITECH LANÇA TRATOR DE 85CV SUPER ESTREITO

A Agritech acaba de disponibilizar ao mercado uma nova versão do trator 1185 S Turbo, lançado em 2015. Trata-se do 1185 S Super Estreito 4x4, que possui 1,30 metro de largura e foi projetado para facilitar o trabalho em culturas adensadas. Com motor turbo Yanmar de 85cv de potência, o trator oferece uma série de benefícios em suas aplicações. “O Trator 1185 S Super Estreito conta com tomada de potência econômica opcional, para menor consumo de combustível e melhor aproveitamento da máquina”, explica o gerente da Divisão de Vendas da Agritech, Nelson Watanabe. O modelo também conta com direção hidrostática, é plataformado e tem o cambio principal sincronizado. “Outro grande diferencial é o raio de giro de apenas 2975 mm, que confere ao trator agilidade nas operações que necessitam de manobras em espaços reduzidos”.


SHOW RURAL COOPAVEL, TECNOLOGIA DE PONTA PARA O PRODUTOR

Em sua 28ª edição, de 1º a 5 de fevereiro de 2016, em Cascavel/PR, o Show Rural Coopavel será mais uma vez um evento altamente tecnológico e de inovação. Organizado e mantido pela Coopavel, é considerada uma das maiores feiras do Brasil, referência no mundo, e o evento no qual as principais empresas multinacionais, de pesquisa e de equipamentos, lançam as tecnologias de seus produtos. “O Show Rural Coopavel, desde sua criação, nunca perdeu o foco que é proporcionar ao produtor rural acesso ao conhecimento e à tecnologia com gratuidade. O Show Rural Coopavel, que é um palco de apresentações de todas as tecnologias mundiais, tornou-se um ponto de encontro entre produtor rural e as novas tecnologias” descreve o diretor presidente da Coopavel, Dilvo Grolli.


AGRALE EXPORTARÁ 156 TRATORES PARA O ZIMBÁBUE

A Agrale fornecerá mais 156 tratores do modelo 575.4 para o governo do Zimbábue. O acordo entre os dois países foi realizado por intermédio do programa Mais Alimentos Internacional e irá beneficiar a agricultura familiar daquele país africano. O primeiro lote, com 66 máquinas, embarcou no final de novembro, e as unidades restantes seriam entregues em dezembro. Esse é o terceiro grande contrato de exportação firmado pela Agrale pelo programa Mais Alimentos Internacional.

No ano passado, a fabricante gaúcha tornou-se a primeira empresa brasileira a fechar um acordo comercial para a edição internacional do programa e forneceu 320 tratores, também para o Zimbábue, e ainda 24 tratores e 1.110 kits de motobombas para Cuba. Segundo Flavio Crosa, diretor de Vendas da Agrale, a empresa, desde de 2014, tem aproveitado o programa Mais Alimentos Internacional para intensificar suas vendas para o exterior. “Hoje, as exportações representam em torno de 18% do faturamento da Agrale, e esse importante programa federal ajudou no crescimento dos negócios da empresa”, explica o executivo.


ARA CONFERENCE 2015 REÚNE BRASILEIROS NA CALIFÓRNIA

Com 800 congressistas reunidos, ocorreu em dezembro a ARA Conference 2015, em Palm Desert, California, evento que foi marcado por preocupações, visto que os participantes se queixaram sobre o baixo nível de conhecimento das atividades agrícolas e de suas dificuldades por parte da população urbana.

E isso tem gerado ônus para a cadeia produtiva no tocante a questões regulatórias, ambientais, certificação de origem e regras de produção sustentável. A ARA é uma organização e associação comercial sem fins lucrativos que representa os interesses dos comerciantes agrícolas e distribuidores em todos os Estados Unidos sobre questões legislativas e regulamentares.

Como a voz política para os varejistas e distribuidores agrícolas, a ARA auxilia em questões críticas, educa legisladores e colabora com as autoridades reguladoras sobre questões importantes que afetam o setor. Na foto, a participação brasileira no evento.


MASSEY FERGUSON: NOVA TURMA DO PROJETO PESCAR

A Massey Ferguson vai montar em Canoas/RS mais uma turma do Projeto Pescar, que tem como objetivo qualificar jovens de 16 a 19 anos por meio do curso de Iniciação Profissional em Produção Mecânica. Os alunos terão a oportunidade de vivenciar a rotina de diversas áreas da empresa, tanto na manufatura quanto nos setores administrativos. Será realizada ainda a “Semana das Profissões”, quando eles poderão sanar suas dúvidas sobre as funções que pretendem se especializar.

“Além da experiência profissional em várias áreas de atuação, o projeto transmite valores que contribuem para o participante crescer pessoalmente. Ingressei na turma de 2005 e, logo depois, fui contratado. E, agora, o meu objetivo é seguir carreira dentro da empresa”, afirma João Henrique Remonti, que começou como operador e atualmente exerce a função de líder na área de corte e estamparia na empresa.


VALTRA E AGCO FINANCE OFERECEM FINANCIAMENTO FACILITADO

Desde abril, o produtor rural José Retondo Netto, de Santa Cruz do Rio Pardo/SP, vinha procurando opções de financiamento para comprar um novo pulverizador. Devido às restrições de crédito no País, pesquisaram muito antes de financiar o maquinário diretamente com o AGCO Finance, o banco da Valtra. “Visitei a Agrishow, em Ribeirão Preto/SP, em abril, já pensando em adquirir um novo pulverizador e, de lá pra cá, venho conversando com a concessionária Mercadão da Valtra para poder chegar à melhor decisão.

O que realmente me atraiu nesse financiamento foi o fato de o processo ser menos burocrático e também de ter condições facilitadas de pagamento”, destaca. De acordo com Aluizio Deruza, gerente da concessionária Mercadão, ao optar por financiar o pulverizador BS3020H junto ao AGCO Finance, o agricultor conseguiu o melhor negócio, “pois de entrada, arcou apenas com 10% do valor do equipamento, já que o restante ficou por conta do banco.”


CHECKFOLHA MOBILE, DA MICROQUIMICA, CONQUISTA PRÊMIO

O CheckFolha Mobile (CFM), aplicativo da Microquimica, que interpreta análises de folhas e apresenta sugestões de ações corretivas para soja, conquistou o prêmio Cyber Mobile no Mídia Festival, da APP Campinas/SP, superando inclusive aplicativos do varejo e da indústria automobilística. Para o gerente de Marketing da Microquimica, Anderson Nora Ribeiro (foto), é a coroação de um trabalho árduo de uma grande equipe interna, que se empenhou para que o aplicativo levasse informação ao homem do campo. “A área de Propaganda é bastante competitiva e a maioria dos projetos está ligada a negócios que atendem a um público mais urbano, habituado às ferramentas digitais. Isso mostra que o agronegócio brasileiro tem potencial de utilização das novas tecnologias”.


JOHN DEERE PREMIA CONCESSIONÁRIAS

Sempre preocupada em proporcionar a melhor experiência a seus clientes, a John Deere promoveu um prêmio para reconhecer as melhores iniciativas desenvolvidas por seus concessionários que proporcionam essa melhor experiência. O Customer Experience Award 2015 (Prêmio de Experiência do Cliente) foi dividido em cinco categorias e ainda consagrou um concessionário como campeão geral. Os vencedores foram escolhidos por uma banca julgadora formada por profissionais especialistas em experiência do cliente, de diferentes empresas. Os premiados foram os seguintes: Categoria Inspirar – SLC Comercial, de Horizontina/RS; Pertencer – Verdes Vales, de Santa Maria/ RS; Engajar – Iguaçu Máquinas, de Rondonópolis/MT; Agir – Agrosul, de Luis Eduardo Magalhães/BA; Reconhecer – Maqcampo, de Brasília. Já o principal troféu, “Experiência do Cliente”, entregue pelo Chairman e CEO da Deere & Company, Sam Allen, foi conquistado pelo Maqcampo, que obteve a maior pontuação.


SEMENTES ADRIANA: VANTAGENS DO NOVO HÍBRIDO DE MILHETO GRANÍFERO

O milheto está ganhando força em todo o Brasil. O movimento é impulsionado principalmente pelo lançamento de novos híbridos, que oferecem lucratividade na produção de grãos. O híbrido ADRG 9050, lançado pela Sementes Adriana na safra 2014/2015, representou um marco na história do milheto no País. Por ter uma elevada produtividade, a nova cultivar abriu aos produtores a possibilidade de obter ganhos financeiros com a colheita. Além de produzir de 4 a 6 toneladas de palhada por hectare, o ADRG 9050 reduz dois tipos de nematoides: Pratylenchus brachyurus (FR 0,3) e Meloidogyne javanica (FR 0,4), segundo laudo de avaliação da Associação dos Produtores de Sementes de Mato Grosso (Aprosmat). Por ser plantado imediatamente após a janela da safrinha de milho no Centro-Oeste, o ADRG 9050 está permitindo a prática de uma segunda safra rentável.


FARSUL: AGROPECUÁRIA IMPEDE QUEDA MAIOR NO PIB GAÚCHO

A agropecuária foi o único setor da economia gaúcha que registrou desempenho positivo em 2015. O PIB da atividade tem crescimento estimado em 9,4%, reflexo da safra recorde de 32,5 milhões de toneladas. O dado foi apresentado durante o balanço de fim de ano da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), no mês passado. “O produtor fez a sua parte. Os investimentos em tecnologia permitiram nos posicionarmos bem em um ano de crise”, destaca o presidente da Farsul, Carlos Sperotto.

O resultado equalizou uma queda mais expressiva do PIB gaúcho em 2015, projetada em -2,75%. O crescimento da atividade agropecuária no Brasil deverá ser de 2,9%. Já para o PIB geral é prevista uma queda de 3,49%. A agropecuária também será o único setor no Brasil que fechará em alta em 2015. A indústria obteve queda de 6,5%, atenuada pelas agroindústrias, que tiveram melhor desempenho do que a média. Para o próximo ano, as perspectivas para a agropecuária gaúcha são menos animadoras. Devido a fatores climáticos, a safra 2015/ 2016 poderá ter redução de 6%, mas o tamanho real da queda dependerá dos impactos do El Niño na produção.


MULTI-WING COM NOVAS HÉLICES DE ALTA EFICIÊNCIA

A Multi-Wing introduz a nova gama W/LP de hélices de alta eficiência com diâmetros de 1.200 mm até 1.720 mm para o mercado de avicultura e suinocultura. As hélices de alta eficiência têm um alto fluxo de ar por consumo de energia (kW). As pás são geometricamente otimizadas por dar um alto rendimento em pressões baixas e medianas como no caso de avicultura e suinocultura.

As pás são de PPG reforçado de fibra de vidro e com uma proteção UV. São muito resistentes a ataques químicos, portanto muito adequadas para aplicações de avicultura e suinocultura. Essa hélice está disponível em configurações de 3, 4 e 5 pás com inclinações de ângulo de pá de 20º até 50º com passo de 1º. Por ter um alto rendimento e menos pás, são hélices muito silenciosas.


PLA PROJETA CRESCIMENTO EM 2016

A crise econômica enfrentada pelo Brasil em 2015 não afetou os projetos da PLA, fabricante de pulverizadores autopropelidos. A empresa, que tem unidade em Canoas/ RS, ampliou o número de revendas no País de 42 em 2014 para 56 no ano passado. A participação no mercado também cresceu: de 3% em 2014, para 5% em 2015. “Nossa expectativa é alcançar 6% ou 7% das vendas de pulverizadores no País em 2016”, informa o diretor comercial da PLA, Renato Silva (à esquerda na foto).

Para colocar em prática o objetivo, a empresa pretende lançar dois modelos ainda no começo deste ano. Além de manter o foco na Região Sul, onde está a maior parte dos clientes da marca, existe um trabalho junto a grandes produtores do Centro-Oeste. Em um momento de dólar alto, o mercado externo também é alvo da empresa, que tem clientes em países como Argentina, Romênia e Bolívia.

Em 2016, ainda devem ser atendidos produtores do Paraguai e do Uruguai. “Dependemos do mercado e do comportamento do dólar, mas a projeção é de que as exportações somem entre 15 e 20 equipamentos neste ano”, observa o gerente de Marketing da PLA, Tomas Lorenzzon.


YARA VAI CONSTRUIR FÁBRICA EM SUMARÉ

A Yara anunciou a construção de uma unidade de produção dos fertilizantes foliares e micronutrientes YaraVita em Sumaré/ SP, a primeira da empresa voltada a essa linha de produtos fora da Europa. Atualmente, os produtos da linha comercializados no Brasil, utilizados para o recobrimento de fertilizantes sólidos, tratamento de sementes e aplicação foliar, vêm das unidades da Yara em Pocklington, Inglaterra.

O investimento para a construção da nova unidade será de R$ 41,4 milhões e a inauguração está prevista para o segundo semestre de 2017. A unidade será responsável pela fabricação de aproximadamente 70% de todo o volume de YaraVita comercializado no Brasil. “O investimento para a construção dessa unidade reafirma nosso compromisso com o País e com os agricultores brasileiros. É a primeira vez que a Yara constrói uma unidade para a produção de YaraVita fora da Inglaterra, o que reforça a importância do Brasil para a companhia”, disse Lair Hanzen, presidente da Yara Brasil.


EXPEDIÇÃO CERRADO COMEÇA SUA 6ª EDIÇÃO

A Expedição Cerrado, conhecida por ser a maior viagem técnica de estudantes do Brasil, realizada por alunos da Engenharia Agronômica da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq/USP), terá sua 6ª edição em 2016. A viagem é organizada pelo Grupo de Experimentação Agrícola (GEA), coordenado pelo professor- doutor José Laercio Favarin (foto, na expedição passada, com alimentos arrecadados). Nesta edição, os alunos percorrerão em torno de 6.500 quilômetros, passando por cidades como Luiz Eduardo Magalhães/ BA, Balsas/MA, Lagoa da Confusão/TO e Porangatu/GO, entre outras. Os integrantes do grupo terão a oportunidade de adquirir conhecimento e desenvolver um espírito crítico com essa viagem que tem como objetivo reunir em um só evento conhecimentos técnicos, científicos e econômicos relacionados a essa região de destaque no agronegócio brasileiro.


ANOTE AÍ

Inovação, tecnologia e gestão nortearão a 26ª edição da Abertura Oficial da Colheita do Arroz. O evento, considerado o maior da América Latina no setor, ocorre de 18 a 20 de fevereiro, no Parque Doutor Lauro Dornelles, no município de Alegrete, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul, um dos maiores produtores do grão no Rio Grande do Sul e no Brasil. Mais informações sobre o tradicional evento no site www.federarroz.com.br/colheita.

A feira Expodireto Cotrijal, promovida pela cooperativa Cotrijal de 7 a 11 de março, apresenta aos visitantes as principais tecnologias que empresas privadas e públicas têm em seus portfólios. A agricultura familiar também recebe sempre uma atenção especial, inclusive com um amplo pavilhão para vendas de produtos agroindustrializados. E a feira gaúcha é marcada pela tradição em promover palestras de temas políticos e econômicos de grande relevância. Mais sobre a feira em www.expodireto. cotrijal.com.br

Considerada uma das três principais feiras de tecnologia agrícola do mundo e a maior e mais importante na América Latina, a Agrishow, de 25 a 29 de abril, em Ribeirão Preto/SP, é a mega-vitrine das mais avançadas tendências e inovações tecnológicas para o agronegócio. A feira é o palco onde “desfila” o sucesso do agronegócio brasileiro. Mais informações sobre a Agrishow no site www.agrishow.com.br

Mais informações sobre eventos em www.agranja.com