Caprinovinocultura

Parceria garante carne de qualidade

Caprinovinocultura

Iniciativa no Rio Grande do Sul promove integração desde a propriedade até o consumidor e ajuda a organizar a cadeia produtiva

Denise Saueressig
denise@revistaag.com.br

A necessidade de organização da cadeia é consenso entre os representantes da ovinocultura brasileira. Para estimular a produção e também o consumo da carne, é preciso que o trabalho esteja alinhado desde o campo até a mesa.

Iniciativas que valorizam a qualidade nas diferentes etapas do processo são bem-vindas entre um setor que tem grande potencial de crescimento. No Rio Grande do Sul, uma parceria que envolve produtores, indústria e restaurante vem conquistando resultados positivos e comprova que o esforço conjunto vale a pena.

Para conseguir a padronização dos cordeiros que recebe e, consequentemente, da carne que entrega ao mercado, o sócio- proprietário do Frigorífico Coqueiro, Luiz Roberto Saalfeld, vem trabalhando com dois fornecedores que buscam os ovinos em diferentes municípios, fazem a terminação em suas propriedades e transportam os animais até a indústria em São Lourenço do Sul, no Sul do estado. “Entre os dois parceiros, recebo em torno de 100 cordeiros por semana, com expectativa de aumento desse número nos próximos meses”, conta o empresário, calculando que é possível trabalhar com volume entre 200 e 300 animais semanalmente.

Com 28 anos de atuação, o Coqueiro chegou a paralisar os abates de ovinos por alguns anos, já que havia dificuldade no fornecimento de cordeiros durante o ano todo. “Tínhamos problemas para conseguir animais bem terminados com a regularidade necessária para atender os clientes”, resume Saalfeld.

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!