Expointer

NEGÓCIOS DENTRO DA REALIDADE

Expointer

Feira realizada em Esteio/RS apresentou queda na venda de animais, mas foi sucesso de público. Diversidade de atrações atendeu todos os perfis de produtores

A Expointer, tradicional feira agropecuária realizada em Esteio/RS, chegou à 40ª edição este ano. Entre os dias 26 de agosto e 3 de setembro, representantes das diversas cadeias produtivas do agronegócio estiveram reunidos no Parque de Exposições Assis Brasil. A exposição foi marcada por quase 300 eventos que envolveram a troca de conhecimentos, debates sobre as questões do setor e lançamentos de tecnologias.

Com atrações diversificadas para todos os perfis de produtores, a Expointer recebeu 412 mil pessoas - 13,8% a mais do que em 2016 - e movimentou R$ 1,937 bilhão, um crescimento de apenas 0,7% em comparação com a edição do ano passado, número que ficou dentro da expectativa dos organizadores. O grande destaque foi a venda de produtos coloniais da agricultura familiar, que registrou incremento de 40% sobre 2016, alcançando R$ 2,85 milhões. As indústrias de máquinas agrícolas somaram negociações de R$ 1,923 bilhão, um pequeno aumento de 0,75% sobre o ano anterior. O Governo gaúcho, promotor da feira, incluiu este ano no balanço financeiro a venda de automóveis, que movimentou R$ 98 milhões. Assim, o total de negócios da exposição ficaria em R$ 2,035 bilhões.

A comercialização de animais apresentou queda de 12%, com total de R$ 10,61 milhões. Os cavalos Crioulos lideraram as vendas, com mais de R$ 7 milhões em negócios fechados. Entre os bovinos, a Feira de Novilhas da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) registrou R$ 700 mil, quase a metade do valor total de bovinos negociados na feira. Os leilões de ovinos movimentaram R$ 536 mil.

A venda de ...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!