Mercado

Preços seguem comportamento histórico

O mercado de exportação de carne bovina brasileira tem obtido bons resultados no ano de 2017, apesar de alguns empecilhos enfrentados nos últimos meses, como a operação Carne Fraca, que colaborou para uma retração momentânea do mercado no mês de abril.

O mês de junho, no fechamento do primeiro semestre, registrou o melhor resultado do ano. Ocorreram altas no faturamento e no volume de 10% e 9%, respectivamente, frente ao mês de maio, segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec).

Os principais destinos da carne bovina brasileira nesse mês foram Hong Kong, China, União Europeia, Egito e Rússia, sendo que Hong Kong merece destaque individual devido ao aumento de volume importado frente ao mês anterior, de 9,1%, resultando em um total de 30,8 mil toneladas.

Na análise dos seis primeiros meses do ano, os números obtidos em faturamento foram crescentes. Em nota da Abiec divulgada em julho, a expectativa é que os resultados para o segundo semestre se mantenham positivos para a cadeia.

A tabela Boi Gordo no Mundo apresenta os valores obtidos da segunda quinzena de junho até a primeira quinzena de julho. Como pode ser observado, o valor da arroba brasileira continua vantajoso para os países importadores frente aos outros países exportadores.

Na comparação com os 30 dias anteriores ao período apresentado pela tabela, a arroba brasileira no mercado internacional teve retração de 16,5%. A Austrália e os Estados Unidos também tiveram queda de 5,1% e 4,1%, respectivamente. Somente a Argentina apresentou elevação no preço da arroba e fechou em alta de 3,9%.

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (Usda) divulgou que a previsão de produção da safra de milho 2017/18, cuja semeadura foi finalizada em junho, é de 357,2 milhões de toneladas; na safra 2016/17, a produção foi de 384,7 milhões de toneladas. Isso representa uma qu...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!