Do Pasto ao Prato

INFORMAÇÕES DE REPRODUTORES: SALVE O PORTAL DA TRANSPARÊNCIA

Do

Fernando Velloso é médico-veterinário e sócio-proprietário da Assessoria Agropecuária FF Velloso & Dimas Rocha – www.assessoriaagropecuaria.com.br –

A informação é transformadora. Não sei se a frase tem autor conhecido, mas é uma das grandes verdades em que acredito para as situações mais variadas na sociedade. A disponibilidade de informações nos “Portais da Transparência” nos permitiu conhecer os gastos dos governantes, dos políticos e funcionários públicos. Passamos a entender com mais clareza como gestões e partidos usam ou mal usam os recursos públicos. Também passamos a valorizar gestores públicos que são competentes e eficientes no uso do nosso dinheiro. Nas empresas, ocorre o mesmo, e as organizações preocupadas com a boa gestão e eficiência em diferentes setores ou divisões informam seus colaboradores o máximo possível sobre seus resultados, indicadores, etc.

Do

O que essa conversa tem a ver com pecuária e, especificamente, com reprodutores, como indica o título do texto? Tudo. Queremos que os pecuaristas valorizem os touros superiores, a genética, o sêmen de qualidade, mas temos muito a melhorar no quesito de acesso às informações. Vou me deter ao mercado de reprodutores “taurinos” (raças europeias e sintéticas), pois é o universo no qual trabalho e circulo diariamente.

REGISTRO GENEALÓGICO


Com exceção das raças controladas pela Associação Nacional de Criadores (leia-se: Angus, Charolês PO, Hereford PO e Devon), as demais raças taurinas não disponibilizam na Intern...

Para ler a matéria completa faça Login
Caso não seja assinante da Revista AG, clique Aqui e Assine Agora!