A Voz do Criador

Mudança Estratégica

Não dá para esperar resultado diferente fazendo tudo igual. E se você mudasse sua atitude após ler esta edição? Antes muito associado ao raquitismo dos animais, as verminoses, hoje, ocorrem mais na forma subclínica, na qual eles perdem peso, mas não definham, cobrando uma nova postura do pecuarista. A partir desse estágio, mês a mês perdem-se desempenho e qualidade de carcaça, sem que se note. Mais que nunca, é necessário controlar verminoses.

Em nosso “Especial Vermifugação”, destacamos a vantagem do tratamento via oral, as moléculas mais eficazes no momento, e apresentamos uma nova sugestão de controle estratégico. Não se preocupe com uma possível patente depositada por um laboratório, ela é válida apenas para a denominação “Controle Estratégico 5-8-11”, mas, por partir de uma comprovação científica, o pecuarista pode utilizar nesses meses os produtos que bem entender. Não apenas aqueles envolvidos no estudo da patente.

Falando em sanidade, não deixe de conferir nossa “Entrevista do mês” com Sebastião Costa Guedes, que analisa o plano do Ministério da Agricultura para retirada gradual da vacinação antiaftosa até 2021, situação que levaria a uma economia de R$ 600 milhões aos bolsos dos criadores de gado. Completando o tripé da sanidade, “Escolha do Leitor” traz um tema ainda pouco discutido na pecuária, a destinação correta das carcaças de grandes animais.

A prática mais utilizada é a compostagem, mas os resíduos ainda podem ser desidratados, incinerados ou transformados em biogás, tecnologias validadas para aves e suínos e ora ou outra serão adaptadas a bovinos. Assim como a Escolha do Leitor, “Pastagem” e “Manejo” trazem algumas dicas importantes para facilitar o dia a dia do criador. Na primeira, está o combate à assustadora cigarrinha e, na segunda, uma forma racional de desmamar a bezerrada.

null

Temos ainda nesta edição o Brahman como a “Raça do Mês”, onde mostramos como o zebuíno tenta se reinventar. A rápida solução da raça Angus para contornar a saída de algumas plantas do Marfrig do Programa Carne Angus Certificada, em “Cruzamento”; e “O Confinador”, apresentando como a suplementação vitamínica pode solucionar problemas ligados a deficiências de origem nutricional.

E depois de ter o gado alimentado e suplementado, quanto você acha que vale o esterco do seus animais? Saiba, pode estar avaliado em quase R$ 90 mil reais! Confira essa curiosidade em “Leite”. Por fim, “Caprinovinocultura” divulga a experiência de um criador baiano que inseriu o plantio de árvores frutíferas à criação, formando um sistema de produção silvipastoril. Veja essas e outras notícias quentes aqui nas páginas da AG – A Revista do Criador

Boa leitura!