Brasil de A a Z

 

Expogenética, mercado e conceitos

William Koury Filho é zootecnista, mestre e doutor em Produção Animal, jurado de pista de Angus a Zebu e proprietário da Brasil com Z® – Zootecnia Tropical

Amigos pecuaristas, agosto foi um mês intenso, com jogos olímpicos, julgamento do impeachment da presidente afastada e, mais especificamente em nossa área, aconteceu a Expogenética, a maior feira de gado avaliado do País.

Para começar, não posso deixar de falar dos jogos olímpicos Rio 2016, que sinalizou grande mudança de humor no povo brasileiro, até então cabisbaixo com a crise política e econômica do País e com a lembrança do fiasco e roubalheira que a copa do mundo 2014 deixou de herança para memória.

Pois é, o Rio deu um show e mostrou para o mundo um Brasil positivo, desde a abertura dos jogos até o seu desfecho com organização, simpatia e até medalha de ouro para a desacreditada seleção de futebol masculina, fiquei orgulhoso em ser brasileiro.

No Senado, o julgamento do impeachment rolou em meio a denúncias em delações premiadas que envolvem até juiz do Supremo. Discussões desiquilibradas têm sido frequentes entre aqueles que deveriam ser exemplo para a povo.

Com a saída do antigo governo, o sucesso dos jogos Rio 2016 e, diante da postura do presidente interino, a economia apresenta indicadores que sinalizam uma virada para a volta do crescimento. O clima de otimismo faz com que o mundo volte a investir mais no Brasil, o que impulsiona a entrada de dólares, valoriza o Real e promove mudanças no câmbio.

Na pecuária de corte, o cenário não é dos melhores. Aquele momento em que o mercado interno pouco comprador estava equilibrado pelas exportações atrativas, em função do dólar valorizado do semestre passado, já não conta mais com o câmbio favorável e, agora, também aguarda a recuperação do poder de compra do brasileiro. Com tudo isso, os frigoríficos apresentam margens reduzidas e rumores negativos.

Nesse ínterim aconteceu a Expogenética 2016, em Uberaba/MG, e foi um grande sucesso! Mais impressionante ainda é o crescimento do mercado de genética melhoradora, aquilo que chamamos de semente certificada – animais avaliados nos quais a ciência fornece mais garantias do resultado esperado.

Mesmo as informações científicas carecem de interpretação e não dispensam uma boa avaliação fenotípica dos animais, aí que trabalhos conceituais têm se destacado e os leilões que assessoramos têm apresentado crescimento em relação a 2015. Mas como? Na minha visão, através do entendimento que genética realmente melhoradora não é custo, mas, sim, um investimento com retorno mais do que garantido.

Para exemplificar, podemos citar a resposta de mercado aos principais leilões da Expogenética, o Boi com Bula Premium foi um deles, que apresenta touros com avaliações genéticas e genômicas conciliadas à avaliação morfológica pela metodologia EPMURAS que funciona como um retrato falado do reprodutor. Mais do que simplesmente produtos, o Boi com Bula Premium apresenta conceito ao mercado e mostra uma padronização dos reprodutores nelore com costelas profundas e arqueadas, massas musculares volumosas, bons aprumos, enquadramento no padrão racial e expressão de masculinidade através de características sexuais secundárias.

Como zootecnista, sinto-me bastante realizado porque o conceito gera valor com relação a um protótipo de qualificação de produto que une a interpretação de avaliações genéticas e a referência de modelo animal, colocando- as em classes de qualidade. Mesmo com o reconhecimento do mercado, gerando resultado e fidelização, a nossa proposta mantém um constante projeto de pesquisa e inovação para aprimorar os indicadores de qualidade dos produtos e quantificar os resultados com cada vez mais precisão.

O suporte por dados e resultados quantificados é disponibilizado de maneira gradativa nos últimos anos, as vezes até de forma exagerada ou também com modismos, como já observamos nas pistas. O importante é que a ciência não se cansa de aventar hipóteses e duvidar que uma tecnologia não possa ser aprimorada. Amigos, não podemos deixar de valorizar os pioneiros criadores de zebu responsáveis por trazer, selecionar, expandir e tentar evoluir para um determinado norte.

Juntar esses universos e promover conversas produtivas têm sido a cara da Expogenética. Parabéns para a ABCZ, para toda a imprensa e aos canais de comunicação, para os prestadores de serviço, aos programas de melhoramento, para as centrais de IA, para aos técnicos e, principalmente, parabéns para os produtores pelo excelente evento. Valeu!


Warning: getimagesize(/revistas/ag/imagens/id_425/brasil+de+a+a+z_1.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/storage/a/fb/47/edcentaurus/public_html/edcentaurus/application/controllers/AgController.php on line 441