Falou

 

Promebo = Lucratividade

A coordenadora do Programa de Melhoramento de Bovinos de Carne (Promebo), Fernanda Nogueira Kuhl, mostra os caminhos da seleção genética que geram lucro aos criadores

“Além das DEPs, o programa trabalha com quatro índices, que foram confeccionados para facilitar a seleção de animais”

Revista AG – Como conscientizar o pecuarista a utilizar genética provada para melhorar os índices da fazenda ao invés do velho hábito de trabalhar com o “boi de boiada” para cobrir a vacada?

Fernanda Kuhl - A melhor maneira é demonstrando os ganhos econômicos que esse criador terá a médio e longo prazos. Por exemplo, se utilizarmos um animal com Índice Desmama positivo 10 (ou seja, se espera que sua progênie produza, na média, 10 kg a mais do que a média da população), com os valores de bezerro no RS, constatamos um ganho financeiro aproximado de R$ 9.000 na venda da sua produção em seis anos de utilização. E, essa conta pode ser extrapolada para a escolha do sêmen a ser utilizado no rebanho. Muitas vezes, o produtor seleciona touros somente pelo valor final da dose, sem levar em consideração o quanto a progênie dele será superior a outro, mesmo com o valor da dose mais elevado. E isso é investimento com retorno garantido.

Revista AG – Quais são as DEPs avaliadas pelo Promebo?

Fernanda Kuhl - As DEPs avaliadas no programa são: Ganhos de Peso (ganho do nascimento a desmama, da desmama ao sobreano, e do nascimento ao sobreano); Habilidade Materna; Peso ao Nascer; Conformação, Musculatura, Precocidade, Tamanho, tamanho de prepúcio e umbigo, Pelame, Racial, Pigmentação Ocular - todos à desmama e ao sobreano. Somente nas avaliações ao sobreano são geradas as DEPs de Ultrassonografia de Carcaça (AOL, EGS, P8, GIM) e perímetro escrotal para machos. Além das DEPs, o programa trabalha com quatro índices, que foram confeccionados para facilitar a seleção de animais baseados nas características de maior impacto na produção: Índice Desmama – para a seleção de animais bons produtores de bezerros; Índice Final – para seleção de animais bons produtores de animais para abate (novilhos ou novilhas); Índice Carcaça – para selecionar os animais com melhor características medidas por ultrassonografia de carcaça; e Índice Adaptação – para selecionar animais mais adaptados ao clima tropical brasileiro.

Revista AG – Aliás, a característica de marmoreio vem sendo contemplada no programa?

Fernanda Kuhl - Essa característica vem sendo avaliada há alguns anos e, desde 2013, já foram listados os melhores touros para essa característica no Sumário de Touros ANC/Promebo para a raça Angus. Atualmente, possuímos mais de 5.250 medições coletadas.

Revista AG – Participar do Promebo é uma forma de investimento que busca melhorar a produtividade do rebanho. Portanto, que resultados econômicos e técnicos ele vem gerando aos participantes?

Fernanda Kuhl - Os resultados são inúmeros, mas dependem da intensidade de utilização dos dados gerados pelo programa. Um excelente exemplo é a Cabanha Santa Joana, do selecionador Ulisses Amaral. O mesmo avalia seu rebanho junto ao programa há quase 20 anos e utiliza os resultados para o direcionamento da sua seleção, seja na escolha de tourinhos jovens para padrear o rebanho como na seleção de matrizes. Com o passar dos anos, o mesmo conseguiu um incremento de 7 Kg de ganho do nascimento a desmama em seu rebanho em função da genética, quando comparado à média do programa.

O número parece pouco expressivo, mas na realidade não é, pois esse ganho é em todo o rebanho e independe do ambiente, ou seja, a sua genética melhorou muito com o passar dos anos. Sem falar nos ganhos em DEPs de Carcaça, cujos animais apresentam, na média, 0,40 cm2 a mais do que a média do programa. Atualmente, o programa possui 175 criadores usuários e um banco de dados com mais de 915.000 animais inscritos das raças: Aberdeen Angus, Brangus, Braford, Charolês, Devon, Hereford e Simental.


Warning: getimagesize(/revistas/ag/imagens/id_420/falou_1.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/storage/a/fb/47/edcentaurus/public_html/edcentaurus/application/controllers/AgController.php on line 441